Conecte-se com a gente

Série Como Funciona

Série “Como Funciona”: o sistema bancário no Canadá e no Québec

Saiba como funciona o sistema bancário no Canadá e no Québec neste artigo e vídeo.

Fábio De Almeida

Publicado

em

Montagem mostrando um monte de bancos literais e um ursinho dizendo Hi Bonjour

Queira você ou não, tudo passa sempre por um banco – e antes fosse aquele da praça, mas definitivamente não é.

No vídeo intitulado « Comprendre le système bancaire canadien » (“Compreendendo o sistema bancário canadense”, em tradução livre), Julie Bolatto Bertolini e Hanane Hadjloum, da Cooperativa Desjardins, mediadas por Lucas Tribolet, do site « Maudits Français”, esclarecem várias de nossas dúvidas de meros mortais sobre o funcionamento dos bancos, por exemplo: “overture d’un compte, “spéciment de cheque”, “virements par Interac”, “carte (de) crédit et carte (de) débit”, “frais de service”, “forfait bancaires” etc.

E antes que alguém levante a questão:

– Humm, o QF tá bem embolsando uns dolarezinhos, né?

Não haveria nada demais se estivéssemos, mas não estamos. E se fosse o caso, vocês seriam claramente informados.

O vídeo foi o resultado de uma parceria entre o site Maudits Français e a Caisse Desjardins e, claro, você notará dois pontos que se repetem ao longo da apresentação: primeiro, algumas perguntas foram feitas por e para um público francês; segundo, algumas respostas foram dadas considerando os produtos oferecidos pela Caisse Desjardins.

Assim, e aqui vai a mais preciosa das dicas:

Pesquise, pergunte, se informe sobre os pacotes de benefícios voltados para o público imigrante nas demais instituições bancárias.

No mais, partiu vídeo.

Certamente, várias palavras e expressões faladas durante apresentaçao podem ter causado um certo curto-circuito nos seus neurônios de imigrante. Sorte sua que o QF está aqui para restabelecer o seu equilíbrio mental.

Microdicionário de expressões bancárias

1. Numéro de compte ou du compte bancaire

É o número da sua conta, em geral com 7 algarismos.

Obs.: Em português, conta é uma palavra feminina ‘a conta’; porém, em francês, ela é masculina ‘o conta’.

2. Spécimen de chèque

É um modelo de cheque usado pelo seu Banco. Em Québec, é mais comum do que grama pedirem um “spécimen de chèque” pra fazer pagamento de salário, pra parcelar compras etc.

Obs.: Em português, ‘espécime’, é no singular, enquanto ‘espécimen’ é seu plural.

3. Numéro d’institution

É o número do banco.

Obs.: Em português, dizemos ‘o banco’; em francês, será ‘a banco’.

4. Numéro de transit

É o número da agência da sua conta.

Obs.: Não é comum, soando mais como um ‘imigrantismo’, mas se você falar “agence bancaire”, eles vão entender.

5. Caisse Populaire Desjardins

Parece, mas não é uma ‘caixa popular colocada dos Jardins’. Até porque, nos Jardins, duvido-e-ó-dó que seus moradores saibam o que é popular, vão achar que é alguma coisa Made in China.

Caisse Populaire Desjardins”, “Caisse Desjardins” ou simplesmente “Desjardins”, é um banco québequense com cara de cooperativa, ou vice-versa. A sua primeira agência foi aberta em 6 de dezembro de 1900, ou seja, respeite a velhinha.

6. Interac

Virement Interac” ou “Interac” é uma ferramenta bancária online de transferência de dinheiro. Vale em todo o Canadá, e até onde eu sei, só nele. É uma solução rápida, segura e simples pela qual você manda e recebe dinheiro usando um número de celular ou um e-mail.

7. Chèque

Além do seu sentido trivial, de cheque, a palavra aparece em várias expressões:

a) Chèque de paie

É o nosso contra-cheque, mas como tudo hoje é automático e sem papel, a palavra virou sinônimo de pagamento ou salário.

b) Talon de chèque, chéquier ou carnet de chèques

Talão de cheques ou talonário.

c) Encaisser un chèque

Colocar dentro da caixa um cheque, ou seja, depositar ou fazer um depósito.

d) Chèque posdaté ou posdater un chèque

É o nosso cheque pré-datado.

e) Compte chèque:

Seria a nossa conta corrente.

f) Compte ou chèque sans provision ou sans fonds:

Precisa traduzir? Conta ou cheque sem provisão ou fundos.

g) Être sans fonds, être dans le rouge ou être à sec

Estar nu com a mão no bolso, vendendo o almoço pra comprar a janta.

8. Virement

Significa transferência, no caso dos bancos, de fundos, de dinheiro.

Obs.: Em português, ‘transferência’ é uma palavra feminina, ‘a transferência’; porém, em francês, ela será masculina, ‘o transferência’.

9. Prélèvement ou virement automatique

Prélever” quer dizer extrair ou pegar uma parte de um todo. Assim, “prélèvement” equivalerá ao nosso desconto automático, por exemplo, para pagar a conta de luz, o financiamento do carro etc. “Virement automatique” é transferência automática.

10. Retrait

Retirada de fundos, de dinheiro.

Obs.: Em português, falamos fazer ‘uma retirada’; em francês, contudo, diremos ‘fazer um retirada’.

11. Rembourser (remboursable ou non-remboursable)

“Rembourser” é reembolsar, devolver algo que foi emprestado (“débourser” ou “prêter“). Na linguagem bancária, seria dinheiro, tarifa, empréstimo. Por dedução, “remboursable” ou “non-remboursable” significam, respectivamente, reembolsável ou não-reembolsável.

12. Échangeable et non-échangeable

Échanger” é trocar algo. Assim, “échangeable” ou “non-échangeable” é algo pode ser ou não trocado por outra coisa, ou seja, ‘trocável’ ou não.

13. Versement:

“Verser”, no sentido bancário, é ‘transferir’ um valor. É comum falar-se, por exemplo, ‘a televisão foi comprada em 3 “versements”, em 3 prestações. Mas também podemos dizer “versement” como o significado de ‘depósito’ (“dépôt“): ‘Até o final do dia, vou “verser” o valor na sua conta.’

14. Dépôt (de l’argent ou d’un chèque)

Depósito que pode ser em dinheiro (“argent comptant” ou “cash”) ou em cheque (“chèque”).

15. Encaisser et encaissement (de l’argent ou du chèque)

Depositar um valor que poderá ser em espécie (“argent comptant” ou “cash”) ou em cheque (“chèque”).

16. Guichet automatique

Caixa eletrônico ou automático.

17. Compte épargne

Épargner”, etimologicamente, significa tratar com clemência, com benevolência. Num banco, o que a gente trata com tanta bondade assim? O nosso suado dinheirinho da poupança. “épargner” é poupar e “compte épargne” é ‘onta-poupança ou poupança.

18. Relevé bancaire ou de transaction

Extrato bancário.

19. SWIFT/BIC

O SWIFT (Society for Worldwide Interbank Financial Telecommunication) e o BIC (Bank International Code) são códigos universais entre 8 a 11 caracteres que identificam a instituição bancária no processo de transferência internacional de valores. O SWIFT do Desjardins, por exemplo, é: CCDQCAMM.

Na França, existe o numéro d’identification fiscale, que seria o nosso CPF/CNPJ. Em algumas transações internacionais eles podem ser pedidos.

20. Frais de service

Quanto o Banco vai te cobrar (ou não) mensalmente para você usar sua conta.

21. Jours de grâce

Literalmente, ‘dias de perdão’, mas que de perdão não têm nada, convenhamos. Por exemplo, são aqueles dias que o cartão de crédito te dá para pagar a sua fatura sem juros. Passou da data? É o “jour de la pénitence”.

22. Intérêts bancaires

Interesses bancários, não há melhor nome. Os “intérêts” são os juros cobrados, por exmeplo, quando você atrasa o pagamento de uma dívida. Os “intérêts” também são aqueles juros calculados num financiamento imobiliário ou para a compra de um veículo..

23. Dossier de crédit et cote de crédit

O dossier de crédit é a sua folha corrida de crédito. Se você for um ótimo pagador, sua “cote de crédit”, quota de crédito, sobe, se você for um enrolador, ela desce. De empréstimo bancário a compra de um carro financiado, tudo vai passar pela análise do seu crédito.

24. Historique de crédit

É o histórico de crédito atrelado ao seu dossier de crédito. Ele vai mostrar, no tempo, a sua capacidade de pagar suas dívidas. O imigrante, quando chega, não tem histórico de crédito, o que poderá dificultar a realização de algumas transações ou mesmo para tirar um primeiro cartão de crédito. Dica simples: não tem dinheiro, pague qualquer valor quando chegar a sua fatura de cartão de crédito. NUNCA fique sem pagar.

25. Relevé T4

É o formulário do governo do Canadá para que os residentes declarem o seu imposto de renda anual.

26. Relevé 1

É o formulário do governo do Québec para que os residentes declarem o seu imposto de renda anual.

Obs.: Apenas o Québec tem um formulário próprio para a declaração anual de renda de seus residentes, assim como é a única Província a ter uma agência de receita fiscal, o “Revenu Québec”. As demais Províncias e Territórios usam os formulários da agência federal, o “Revenu Canada”.

Fontes:

Maudis Français Site: https://mauditsfrancais.ca/

« Maudits Français est le site d’actualité des Français vivant au Québec. » YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCY02ynQqJy3L02FnTskiOwA

Caisse Populaire Desjardins

Como diz a Mocidade, "sonhar não custa nada e o meu sonho é tão real..." Sou um resiliente imigrante e commis pra toda obra. Não rir e não tomar sustos são meus maiores desafios. Se creio em algo? Claro, em você ser humano. Defeitos? Só um, ser flamenguista. Isso não é defeito? Então sou a perfeição em forma de Fábio! Faça o bem, não importa como, quando, onde e a quem. Apenas faça o bem.

Anúncio
Clique aqui para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.