1˚ de julho e o Dia da Mudança em Québec

1˚ de julho e o Dia da Mudança em Québec

29/06/2021 3 Por William Zimmermann
Compartilhar:

O dia 1˚ de julho é conhecido como Canada Day em todo o Canadá. Mas em Québec a data também é conhecida por ser o Jour du Déménagement, ou Dia da Mudança. Como assim?

Enquanto o resto do Canadá está celebrando o 1˚ de julho com fogos de artifício, paradas militares com inspeção da guarda real, espetáculos de dança e música, em Québec, entre 200.000 e 250.000 carregam os móveis da mudança a cada ano. Quoi ? What?

É isso mesmo que você leu. Só em Montréal, a maior cidade de Québec, as autoridades municipais estimam que 10% dos inquilinos se mudam na semana do 1˚ de julho. Segundo a RCI (Radio Canada International), esse e um Fenômeno Social único no mundo. Como isso começou?

História do Jour du Déménegement

Antes de entrarmos no assunto do Jour du Déménegement temos que entender uma coisa: em Québec o inverno é tão rigoroso que tem até palavra para ele: frette. Isso sem contar a quantidade de neve que forma paredões de 2, 3 metros de altura.

Agora imagina se o seu contrato de aluguel terminasse no inverno (o meu termina no inverno 🥶 ), isso em 1700, você nunca poderia se mudar, ou se mudaria a duras penas… Ainda mais dependendo de carroças (se tivesse sorte).

Por causa disso, nos anos 1700, muitos proprietários estipulavam como data de fim do contrato (bail), algum dia da primavera, geralmente em maio – não era mais tão frio e tampouco demasiado quente (o verão de Québec pode ser terrível também).

Segundo algumas fontes, em 1750, ainda na Nova França (Nouvelle France, como Québec era conhecida), o último intendente francês, François Bigot, promulgou uma ordem que dizia que todos os contratos de locação deveriam acabar no dia 1˚ de maio. O tempo passou, a França perdeu sua colônia mas a tradição perdurou.

“Cena de mudança, em Montréal, Québec, 1˚ de maio de 1876.” Publicado pelo jornal “L’Optinion Publique” no dia 18 de maio de 1876. Par Henri Julien (1852-1908) — Modified version of [1], Domaine public, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=2328978

Outras fontes, como a Radio-Canada afirmam que “a tradição de se mudar em uma data fixa remonta ao pós-guerra, quando a província tinha uma grave falta de moradias. Afim de proteger os locatários contra as intempéries invernais, a Igreja Católica teria feito pressão para impedir as mudanças antes do mês de maio.”

Até a metade dos anos 1970, os contratos de aluguel terminavam no dia 30 de abril e as mudanças ocorriam no dia 1˚ de maio.

Radio-Canada

No código civil de 1866 da Província de Québec estava instituído o 1˚ de maio como data de fim dos contratos de aluguel. Essa lei ficou em vigor por mais de um século.

Em 1974, o Governo de Québec decidiu extinguir a obrigatoriedade de um dia específico para as mudanças na Província. Porém, para evitar rupturas de contrato dos bails ainda em vigor, o decreto prorrogou automaticamente os vencimentos de todos os aluguéis que venciam em 30 de abril ou 1˚ de maio de 1975. A nova data seria o dia 30 de junho de 1975. Assim, quem não tivesse renovado o bail até essa data, deveria mudar-se no 1˚ de julho de 1975.

Outro argumento usado pelo governo para justificar a mudança na disposição de 1866 tinha a ver com as aulas das crianças. A data fixa de 1˚ de maio perturbava o ano letivo por conta das eventuais transferências de escola ocasionadas pelas mudanças de endereço. Alem do mais, 1˚ de julho é feriado nacional, Dia do Canadá. Ou seja, se a família se mudar nesse dia, não precisa pedir folga do trabalho ou da escola.

De 1974/5 em diante, pelo menos na teoria, os proprietários e locatários poderiam acordar a melhor data para o início e o término de seus contratos.

Mas veja que contradição. Embora o 1˚ de julho tenha sido aplicado apenas no contexto do decreto de 1974, que prorrogou os vencimentos dos contratos para permitir que os interessados pudessem se adaptar à nova lei, a data acabou sendo bem acolhida por muitos quebequenses, uma vez que evitava justamente os problemas mencionados anteriormente. Virou uma tradição que perdura até os dias de hoje, onde a grande maioria dos aluguéis acabam em 1˚ de julho, e isso, acredite, mesmo que o contrato tenha iniciado em outro mês.

Por outro lado, em algumas cidades, como Montréal (onde o número de locatários passa os 50% da população, cujos quais 10% se mudam), torna-se muito difícil circular nas ruas ou usar um elevador. Isso sem contar o preço cobrado para alugar os caminhões de mudança ou equipes profissionais – os preços disparam nessa semana.

Mas será que foi só por causa do ano escolar que a data de 1˚ de julho foi escolhida? Alguns dizem que a data foi escolhida na realidade para esvaziar as festividades do Dia do Canadá em Québec, já que o Québec tem um espírito separatista meio que adormecido.

No entanto, a maioria dos legisladores que votou em 1974 pela prorrogação dos alugueis até o dia 30 de junho de 1975 era federalista e não separatista ou soberanista. Além do mais, a mudança foi somente para aquele ano para que houvesse uma ruptura na data de 1˚ de maio. Mas até provar que focinho de cochon não é tomada…

Nesse vídeo eu conto a história do Jour du Déménagement em Québec.

Fontes e Referências

  • Jour du Déménagement. Wikipédia em Francês. Disponível em: https://fr.wikipedia.org/wiki/Jour_du_d%C3%A9m%C3%A9nagement#cite_note-1. Acesso em 26/06/2021.
  • 1er Juillet, jour de grand déménagement à Montréal!. Immigrant Québec. Disponível em: https://immigrantquebec.com/fr/actualites/actualites/1er-juillet-grand-demenagement-montreal. Acesso em 26/06/2021.
  • Comment le 1er juillet est devenu le jour national des déménagements pour plus de 200 000 Québecois. RCI – Radio Canada International. Disponível em: https://www.rcinet.ca/fr/2016/07/01/comment-le-premier-juillet-est-devenu-le-jour-national-des-demenagements-pour-plus-200-000-quebecois/. Acesso em 27/06/2021.
  • La tradition québecoise du déménagement. Radio-Canada. Disponível em: https://ici.radio-canada.ca/nouvelle/1042379/demenagement-1er-juillet-bail-locataire-archives. Acesso em 27/06/2021.
  • La journée du déménagement. Sutton Québec. Disponível em: https://www.suttonquebec.com/fr/nouvelles-immobilieres/1126-la-journee-du-demenagement.html. Acesso em 26/06/2021.
  • Imagem de capa do artigo: pessoas se mudando no dia 1˚ de julho de 2007 no bairro de Limoilou em Québec. Créditos: Claude Boucher, CC BY-SA 3.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=2330796.

Autor

  • William é brasileiro, nascido na cidade de Feliz, no interior do Rio Grande do Sul. Mora em Québec desde 2019 e é um aficcionado por história. Com formação na área de tecnologia e de línguas antigas, é o apresentador do canal Québec em Foco no YouTube e também do bloco Café com História do podcast Conexão Québec.

Compartilhar: